Banca examinadora

Luiz Antônio Machado da Silva
Maria Rosilene Barbosa Alvim
Myrian Sepúlveda dos Santos

RESUMO

Uma Categoria Fora dos Trilhos; um estudo sobre as conseqüências da crise entre os ferroviários.
Partindo das discussões da Sociologia do Trabalho acerca dos novos padrões de organização do Capitalismo mundial, e se aproximando dos estudos de caráter sócio-antropológico da década de 80, está pesquisa procura responder à seguinte questão:
Por que os ferroviários, uma categoria de trabalhadores reconhecida por sua capacidade de organização e ação sindical, não conseguem resistir ao avanço das transformação em curso no MUNDO DO TRABALHO, entrando num processo de crise acentuado, que tem conseqüência o esfacelamento acelerado da categoria?
Os resultados desta pesquisa apontam que foram às mudanças na Forma de Recrutamento e Organização do Trabalho implementadas pela RFFSA a partir da 2ª metade da década de 60, que romperam gradualmente com as bases de sustentação da identidade da categoria, os fatores principais de explicação da atual crise.

ABSTRACT: A Category out of rails; a research on the consequences of the crisis amongst the railroad workers.
Beginning with the discussions of the logy about the new patterns of the organization of the worldwide capitalism, and approaching to the socio-anthropological character studies from the 80 decade, this survey tries to answer the following question:
Why the railroad workers, a category of workers recognized by their organization and syndic action capacity, do not succeed in resisting to the improvement of the current changes in the work word, getting into a process of hard crisis, which brings the consequence of the category hasty destruction.
The survey results stress that were the changes in the working organization and recruitment ways implement by RFFSA by the second half of the 60 decade, which gradually torn with the sustaining bases of the category identity, the main explanation reasons for the present crisis.