Luiz Alberto Alves Couceiro

Banca examinadora

Yvonne Maggie
Peter Henry Fry
Flávio Gomes

Resumo

O objetivo deste trabalho é estudar a crença na feitiçaria no Império do Brasil. Analisamos dois casos paradigmáticos do sistema de crenças mágico-religiosas: uma notícia de jornal sobre a argüição de Pai Gavião, um espírito, através do escravo africano em quem incorporava; um processo criminal sobre homicídios cometidos por escravos, mediante a prática de feitiçaria. Nossos casos estão, em maior ou menor medida, ligados à rebelião de escravos, tão temida pelos senhores. Isto produziu vários tipos de documentos que nos ajudaram a demonstrar que a crença no feitiço, no Império do Brasil, perpassou todas as classes sociais.