Ana Paula Gonçalves Alves

Resumo

Este estudo procura analisar de que maneira a identidade dos sociólogos é construída, a partir dos discursos desses profissionais enquanto participantes de uma coletividade. O objetivo proposto é o de verificar se há um projeto coletivo de profissionalização de sociólogos que atuam em diferentes instituições e organizações, observando a formação, o mercado profissional e a construção simbólica desenvolvida em torno de sua expertise, de seu conhecimento próprio. Desta forma, a identidade desses profissionais apresenta-se configurada em torno de um “ideal de serviço” de tipo acadêmico, com tentativas de caráter individual, de cada profissional elaborar suas carreiras em busca de maior prestígio e reconhecimento social. Esse reconhecimento, portanto, é de caráter individual, não dependente do grupo para se realizar.

Palavras-chave: profissão, identidade, sociólogo.