Luciano Senna Peres Barbosa


Banca examinadora

Beatriz Maria Alasia de Heredia
John Comeford
Regina Célia Reyes Novaes

Resumo

Este trabalho tem como objetivo a análise da maneira como as relações de parentesco se atualizam nas disputas políticas. A partir do exame da relação entre membros de diferentes famílias em um Município da Zona da Mata de Minas Gerais, observamos como se construíam os arranjos entre as expectativas contraditórias advindas da lealdade política e da solidariedade familiar. Procuramos mostrar como a possível divergência entre a obrigação moral de retribuir um favor através do apoio político (voto) e a expectativa de união familiar em seu posicionamento político, torna o período das disputas políticas em um momento de reorganização das relações entre os membros de uma família. Nesse sentido, examinamos como as mudanças na relação entre os membros de famílias de políticos assumem caráter público e se afirmam a partir das disputas políticas.