Resumo:

A tese aborda as diferentes formas de sociabilidade, práticas sociais e performáticas engendradas pelos agentes sociais envolvidos com a ala da bateria da escola de samba Acadêmicos do Salgueiro. Na performance carnavalesca das escolas de samba, as chamadas “baterias” têm um papel fundamental. Trata-se de um conjunto composto por cerca de 250 integrantes que participam do desfile, tocando (ou batendo) exclusivamente instrumentos de percussão. No desfile, a bateria é a responsável pelo acompanhamento rítmico percussivo que “anima”, “sustenta” o canto dos participantes do desfile e “dá o ritmo do samba” que conduz os passos de dança. Como veremos nessa tese, a bateria é entendia como um importante marcador identitário de determinadas escolas de samba da cidade do Rio de Janeiro. Em alguns casos, os tipos de tambores usados, as levadas (padrões rítmicos dos toques de tambor), a afinação e a disposição dos instrumentos no espaço compõem um complexo conjunto de propriedades sonoras/acústicas que são entendidas pelos participantes das baterias como uma expressão do que chamam de “sonoridade característica da escola”. Ou seja, no universo dos integrantes das escolas de samba, algumas agremiações são identificadas somente pelo som de seus tambores. A partir de uma perspectiva etnográfica a pesquisa pretende apresentar o debate sobre as transformações e mudanças experimentadas na sonoridade da bateria do Salgueiro desde a década de 90 até o ano de 2014. Discuto a relação existente entre processos de mudança social e de sonoridades e como esses são produzidos e simbolizados em situações de performance.

Palavras-chave:

na bossa da bateria;inovação;performance;drama social;Acadêmicos do Salgueiro

Abstract:

This thesis discusses the different forms of sociability, and social and performance practices engendered by social agents involved with the escola de samba Acadêmicos do Salgueiro´s ala da bateria. During the samba schools` carnival parade, the bateria have a key role. The group (ala) is composed of 250 members that participate, playing (or batendo) exclusively percussion instruments. In the carnival parade, the bacteria is responsible for percussive rhythmic accompaniment that “anima” and “sustenta” the chant of the parade participants. The bateria also gives the “rhythm of the samba” leading the dance steps. As we will see in this thesis, the bateria is understood as an important identity marker of certain Rio de Janeiro`s samba schools. In some cases, the drums types that are used, the “levadas” (rhythmic patterns of drumming), the drums`pitch and arrangement of the drums on the space comprise a complex set of acoustic properties that are understood by the participants of the baterias as an expression of they call “sonoridade característica da escola de samba”. In the context of escola de samba`s members is understood that some escolas de samba can be identified only by the sound of their drums. Based on a ethnographic perspective this thesis intends to present the debate on the transformations and changes experienced in bacteria do Salgueiro from the 90s until the year 2014. I discuss the relationship between social change and sounds and how these they are produced and symbolized in performance.

Keywords:

performance;Salgueiro

Orientador:

MARIA LAURA VIVEIROS DE CASTRO CAVALCANTI