Banca examinadora

Alice Rangel de Paiva Abreu 
Edna M. Ramos de Castro
Elina G. da Fonte Pessanha
Jacob Carlos Lima
José Ricardo Ramalho

Resumo

A recomposição do sistema produtivo mundial na segunda metade do século XX, realiza-se mediante a presença de grandes corporações transnacionais que organizam a sua produção na forma de cadeias produtivas globais. As networks globais incorporam de maneira diversa e complementar diferentes países. A produção offshore realizada em países onde há disponibilidade de mão-de-obra barata, é expressão do desenvolvimento de formas de articulação de processos produtivos em escala planetária. Para essas áreas são transferidas partes do processo de produção em geral associadas às atividades de montagem de determinados produtos, entre eles, o de bens eletroeletrônicos. Manaus foi incorporada a esse movimento mais geral de deslocalização e relocalização industrial quando da instalação, no final da década de 60, de uma área de livre comércio e produção destinada ao abastecimento do mercado brasileiro. Criou-se, ali, um parque industrial expressivo aonde predomina a atividade de montagem de bens eletrônicos de consumo. As barreiras às importações e os incentivos fiscais deram acesso ao mercado interno às grandes empresas transnacionais que fizeram de Manaus a sua plataforma de exportação para outras regiões do país.

Na década de 90 a abertura às importações, parte da pol´tica industrial brasileira destinada à modernização do parque industrial, promoveu o acirramento da concorrência e pressionou no sentido da redefinição das estratégias empresariais para enfrentar o novo cenário competitivo. É neste contexto que as indústrias de bens eletrônicos de consumo sediadas em Manaus, objeto do estudo aqui apresentado, farão a opção pela racionalização dos custos de produção mediante a intensificação do uso de equipamentos automatizados e adoção de novas formas de gestão. Os processos de mudança nas formas de organização da produção e do trabalho derivados das inovações introduzidas são aqui investigados. Os resultados da pesquisa de campo apontam para algumas ambigüidades no processo de reestruturação que se revelam na política de valorização do trabalhador contraposta a uma modernização conservadora das relações de trabalho, no chamamento empresarial à participação e envolvimento do trabalhador simultâneo ao pagamento de baixos salários e à manutenção de elevadas taxas de rotatividade.

ABSTRACT

The recomposition of the world productive system during the second part of the 20th century occurs due to the presence of  large transnational corporations, which organize their production in the form of global productive chains. The global networks incorporate different countries in diverse and complementary ways. The offshore production occurring in countries where cheap labor is available is a worldwide development of forms of articulation of productions processes. Aspects of the production processs, those generally associated with the activity of assembling of parts as for example those of electrical and electronic equipment have been transferred to these areas. Manaus was incorporated into this more general movement of industrial dislocation and relocation when in the end of the sixties, an area for free commerce and production was installed in that city, so as to supply the Brazilian market. An expressive industrial park was created in which the activity of assembling electronic goods predominates. Importation barriers and the tax incentive led the domestic market towards the large transnational companies which transformed Manaus into an exportation platform to other regions of the country.
In the nineties, with the opening of exportation, part of the Brazilian industrial park brought about a stimulation of competittivity and the redefinition of entrepreneur strategies so as to meet the new competitive sceney. It is within this context that the industries of electronic goods established in Manaus, the object of the present study, have made the option of rationalizing the costs of production by intensifying the use of automatic equipment and by adopting new forms of management. The processes of change in the forms of productions and labor organization derived from the innovations ambiguities in the process of restructuring. These appear in the value-added worker policy in opposition to a conservative modernization in labor relations, in the entrepreneurs convocation to workers participation and involvement while at the same time maintaining low salaries and high shift rates.