Daniel Granada da Silva Ferreira

Banca examinadora

Bernardo Sorj
Peter Henry Fry
Monica Grin

Resumo

A presente dissertação trata da formação de identidades transnacionais a partir do contato entre brasileiros e estadunidenses nos núcleos da Fundação Internacional de Capoeira Angola uma organização não governamental que mantém grupos de capoeira no Brasil, Estados Unidos e França. O objetivo da pesquisa é entender a formação de identidades transnacionais por meio de representações sobre “Brasil”, “Estados Unidos” e “África” nestes grupos. Neste sentido busco compreender a criação e atividades desta Instituição, a trajetória de seu mentor, bem como as transformações e adaptações criativas decorrentes do contato entre os brasileiros e estadunidenses nestes grupos e seus reflexos nos grupos do Brasil.
Palavras-chave: Transnacionalismo; diásporas; identidades; brasileiros nos Estados Unidos; capoeira.