Banca examinadora


Profa. Maria Ligia Barbosa
Profa. Maria Helena Magalhães Castro
Profa. Liana Cardoso

Resumo

O objetivo desta pesquisa será analisar em que medida a origem socioeconômica influencia o acesso e a permanência aos diferentes cursos de graduação da Universidade Federal do Rio de Janeiro – UFRJ. Avaliando comparativamente as informações de 854 alunos pertencentes a quatro dos oito cursos superiores do Centro de Filosofia e Ciências Humanas – CFCH – este trabalho se propõe a desempenhar duas tarefas. A primeira será examinar se os diferentes recursos sociais das famílias dos graduandos destas quatro carreiras – aqui hierarquizadas entre as 2 graduações com as maiores relações candidatos por vagas, Comunicação Social e Psicologia, e as duas com as menores relações, Ciências Sociais e Filosofia – sinalizaram uma mudança no perfil do alunado que tradicionalmente ocuparia as vagas em uma das principais instituições públicas do Brasil. Uma vez respondidas estas questões investigaremos se os mesmos indicadores sociais auxiliariam ou não na permanência dos diferentes grupos presentes neste espaço social.

Palavras-chave: Educação Superior, Desigualdade.